"Moçambique: Compulsando as Migrações Internas e Internacionais"

Autor(es):
Gonçalves Patrício

Publicação:
InterEspaço-Revista de Geografia e Interdisciplinaridade, 2 (5), 2016

Resumo:
Os estudos sobre as migrações têm sido realizados fundamentalmente no contexto Sul-Norte, como se este fosse um movimento unidireccional, quando a realidade mostra que estes fluxos ocorrem também ao nível horizontal, ou seja, dentro das regiões dos países do Sul, como tem sucedido no continente africano. Neste artigo, procuramos reflectir sobre as migrações internas e internacionais, no qual enfatizamos a entrada de estrangeiros que de forma regular e principalmente irregular é cada vez acentuado em Moçambique. O procedimento de recolha e tratamento de dados baseou-se fundamentalmente na consulta bibliográfica e análise documental bem como na análise da informação estatística disponível sobre as migrações em Moçambique. Os resultados da investigação sugerem que a migração e a mobilidade em Moçambique variam em conformidade com a localização regional, perfil histórico, económico e ambiental das regiões. Continua a tendência de imigração para os países vizinhos com destaque para a África do Sul, observando-se  oncomitantemente a entrada de imigrantes de várias partes do mundo, provenientes na sua maioria de países africanos, que atraídos pela relativa estabilidade socioeconómica e política do país procuram segurança e melhores condições de vida.

Este artigo encontra-se aqui em acesso livre.