Evolução da população: Portugal e países europeus

Imagem em Destaque
Evolução da população: Portugal e países europeus

 

O gabinete de estatísticas da União Europeia EUROSTAT divulgou no passado dia 10 de julho uma nota de imprensa onde dá conta das estimativas da população na União Europeia (UE) para o corrente ano de 2017. Segundo este documento, a população da UE a 1 de janeiro de 2017 seria de 511.8 milhões, em comparação com os 510.3 milhões estimados para 1 de janeiro de 2016. Durante o ano de 2016, registaram-se tantos nascimentos quanto óbitos na UE (5,1 milhões), pelo que o acréscimo de 1,5 milhões de habitantes se deveu essencialmente às migrações. O maior aumento relativo de população foi registado no Luxemburgo, Suécia, Malta e Irlanda. Em contraste, Portugal ficou entre os países que mais viram a sua população decrescer (-3,1 pessoas por 1000 habitantes, valor estimado para 2016), registando-se os valores mais baixos na Lituânia, Letónia e Croácia. Resulta que Portugal registou uma redução de 31.757 residentes, a sétima diminuição mais significativa entre os 28 países da União Europeia.



Os 5,1 milhões de nascimentos na União Europeia representaram um aumento de 11.000 nascimentos relativamente a 2015, com a taxa bruta de natalidade a alcançar valores mais elevados na Irlanda, Suécia, Reino Unido e França, e mais baixos nos países do Sul da Europa, nomeadamente Itália, Portugal, Grécia e Espanha. Portugal registou a segunda taxa de natalidade mais baixa da UE, assumindo 87.100 nascimentos em 2016.