19 三月 2018 - 23 三月 2018

O International Training Centre of the ILO promove entre os dias 19 e 23 de março de 2018, em Turim, a realização do curso “Extending social protection to migrant workers, refugees and their families”. A iniciativa tem como objetivos: compreender as questões e oportunidades relacionadas com a extensão da proteção social aos trabalhadores migrantes, refugiados e suas famílias, abordar o quadro jurídico internacional que abrange trabalhadores migrantes e refugiados, analisar as diferentes medidas existentes para ampliar a proteção dos trabalhadores migrantes e dos refugiados (incluindo acordos multilaterais,  bilaterais e medidas unilaterais nos países de origem e de destino), analisar os desafios específicos enfrentados por certos grupos para aceder à proteção social (como trabalhadores domésticos, trabalhadores migrantes temporários, migrantes irregulares, refugiados), bem como explorar e analisar como expandir a proteção social a imigrantes e refugiados, com base nas experiências e nas boas práticas de cada país. O curso dirige-se a todos os interlocutores envolvidos na implementação de medidas multilaterais, bilaterais e unilaterais, em matéria de proteção social de trabalhadores migrantes e refugiados, em particular, gestores, profissionais que trabalham em instituições de segurança social, decisores políticos, representantes de parceiros sociais, entre outros agentes diretamente ligados a esta matéria. Os interessados em participar nesta formação deverão inscrever-se até ao dia 19 de fevereiro, através deste endereço.
Mais informações sobre este curso disponíveis aqui

Imagem em Destaque

21 五月 2018

O Observatório das Migrações tem aberto até ao dia 21 de maio de 2018 (Dia Mundial para a Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento), um período para apresentação de artigos para a Revista Migrações, dedicada ao tema "Afrodescendentes em Portugal", para assinalar a Década Internacional dos Afrodescendentes 2015-2014". Os interessados devem propor artigos originais sobre um dos seguintes subtemas ou dimensões de estudo:

           - Afrodescendentes: conceitos, categorias e dimensões analíticas
           - Afrodescendentes na História
           - Afrodescendentes em Portugal e o estado da arte: o que sabemos e o que desconhecemos?
           - Desafios com categorias raciais e étnicas e dilemas estatísticos?
           - Afrodescendentes e integração escolar
           - Afrodescendentes e integração no mercado de trabalho
           - Afrodescendentes, habitação e condições de vida
           - Afrodescendentes e saúde
           - Afrodescendentes, direitos políticos e integração política
           - Afrodescendentes no quadro jurídico e dos direitos humanos
           - Afrodescendentes, nacionalidade e cidadania
           - Afrodescendentes, associativismo, ativismo e o papel da sociedade civil
           - Afrodescendentes, criminalidade e justiça
           - Afrodescendentes, racismo e discriminação de base racial e étnica
           - Afrodescendentes e as questões de género
                                                          - Afrodescendentes nos media e perceções sociais

O edital deste call encontra-se disponível aqui, estando previsto o prémio de dois mil euros para o melhor artigo cientifico proposto e a publicação dos 10 melhores artigos científicos neste volume especial da Revista Migrações em 2018.
Os interessados deverão conhecer ainda as regras de apresentação de artigos da Revista Migrações em http://www.om.acm.gov.pt/-/apresentacao-de-originais

Imagem em Destaque

31 一月 2018

A Universidade de Lisboa promove a Conferência Migrações 2018, encontrando-se aberto até ao dia 31 de janeiro de 2018 o período para submissão comunicações. A Conferência, a realizar-se entre 26 e 28 de junho em Lisboa, pretende constituir um fórum de discussão entre peritos, jovens investigadores, estudantes, profissionais e decisores políticos na área das migrações, integrando cerca de 100 sessões paralelas centradas nas migrações, populações migrantes, diásporas, políticas de imigração, bem como sobre os não migrantes e o maior impacto da mobilidade humana. O programa científico da conferência incluirá debates, apresentações orais, apresentações de posters e workshops, contando entre os principais convidados, com a participação de Douglas Massey, Saskia Sassen, Oded Stark, Giuseppe Sciortino, Caroline Brettell, Barry Chiswick e Karen Phalet. O encontro que constitui a 6.ª edição das The Migration Conferences (TMC) é coorganizado pelo Prof. Ibrahim Sirkeci (Universidade Regente), Prof. Jeffrey Cohen (Universidade Estadual de Ohio), Prof. Philip Martin (Universidade da Califórnia, Davis) , Prof Gudrun Biffl (Universidade do Danúbio, Krems), contando em Portugal com o ISEG, Universidade de Lisboa (Professor João Peixoto Fonseca) e o IGOT, Universidade de Lisboa (Prof. Maria Lucinda), como entidades anfitriãs.
Mais informações sobre a conferência disponíveis neste endereço.

Imagem em Destaque

15 一月 2018 - 18 一月 2018

 


Entre 15 e 18 de janeiro (2018) decorre na sede da OCDE, em Paris, o Fórum Internacional sobre Estatísticas das Migrações (IFMS-2018).  Este fórum visa mobilizar conhecimentos de uma ampla gama de disciplinas como estatística, economia, demografia, sociologia, ciência geo-espacial e tecnologia da informação, disciplinas que podem contribuir para melhorar a compreensão global do fenómeno da migração. O Fórum que será organizado em torno de vários temas - Medição das migrações; Inovação e síntese de fontes de dados; Compreensão das migrações através de dados; Cooperação e gestão de dados e Capacitação -, assumindo-se como uma oportunidade para os decisores políticos entrarem em contacto direto com especialistas em dados de migrações, visando criar sinergias entre diferentes atores e perspetivas, com representantes de países de "origem", "trânsito" e "anfitrião" de migrantes. Está confirmada a participação da Diretora do Observatório das Migrações, Catarina Reis Oliveira, para partilhar a experiência portuguesa com a Coleção Imigração em Números do OM. Mais informações sobre este Fórum, disponíveis neste endereço

Imagem em Destaque

O Observatório das Migrações promoveu no dia 18 de Dezembro, Dia Internacional dos Migrantes, entre as 9h30 e as 18h30, no Auditório 3, da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), em Lisboa, as X Jornadas do Observatório das Migrações. O encontro contou com a intervenção de diversos peritos nacionais, bem como de uma representante internacional da Organização Internacional para as Migrações (OIM) Genebra, num total de 16 oradores. No encontro estiveram presentes cerca de uma centena de participantes (98 participantes), maioritariamente representantes de serviços públicos (47), provenientes de diferentes regiões do país, do meio académico (17), estudantes (12), representantes de Organizações Não Governamentais (ONG) (10), representantes da sociedade civil (7), jornalistas (2), entre outros (3). O evento recebeu a cobertura de diversos órgãos de comunicação social, tendo, paralelamente, sido alvo de notícia em diversos media, na área da imprensa, da rádio e da televisão.

Tendo na ocasião destas Décimas Jornadas OM sido lançado e debatido na primeira sessão plenária o Relatório Estatístico Anual Indicadores de Integração de Imigrantes 2017, a cobertura dos meios de comunicação centrou-se bastante nas principais tendências encontradas no relatório que sistematizou dados estatísticos e administrativos de 42 fontes nacionais e internacionais, para cerca de três centenas de indicadores.

Notícias relacionadas:

Imigrantes em Portugal são mais vulneráveisAntena 1
Portugal foi o país da OCDE que mais melhorou desempenho dos alunos imigrantes em 10 anos, RTP
Estrangeiros com autorização de residência para investigação aumentaram oito vezes em cinco anos, Público
Quase metade dos estrangeiros no país está em risco de pobreza ou privação, Público
Imigrantes em Portugal contribuem mais do que recebem da Segurança Social, Observador
Governo reconhece habitação e salários como áreas a melhorar para imigrantes, Observador
Imigrantes em Portugal com maiores riscos de pobrezaTVI24

 

Conheça aqui em maior detalhe o que marcou estas X Jornadas OM:

SESSÃO DE ABERTURA

As Décimas Jornadas OM foram inauguradas pelo Administrador da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), Pedro Norton, e a Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro

Pedro Norton reiterou o empenho da Fundação enquanto entidade parceira e anfitriã do evento, desde a primeira edição das Jornadas do Observatório, e anunciou a continuidade da aposta da FCG, na promoção da integração dos imigrantes, nos próximos cinco anos. 

A Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro, realçou o importante papel do Observatório das Migrações em mais de uma década de trabalho na monitorização da situação da integração dos imigrantes em Portugal, aproveitando a ocasião para anunciar algumas das atividades do OM para 2018. A Secretária de Estado anunciou o lançamento da nova chamada para artigos científicos para a  Revista Migrações, dedicada ao tema "Afrodescendentes em Portugal", com vista a assinalar a Década Internacional dos Afrodescendentes 2015-2014" (edital disponível aqui).

 

SESSÃO PLENÁRIA 1: INDICADORES DE GOVERNAÇÃO DAS MIGRAÇÕES E INDICADORES DE INTEGRAÇÃO DE IMIGRANTES 

A primeira sessão plenária do dia, dedicada aos Indicadores de Governação das Migrações e Indicadores de Integração de Imigrantes, integrou, num primeiro momento, a apresentação dos Resultados de Portugal no Migration Governance Indicators, da Organização Internacional para as Migrações (OIM), pela Diretora do Departamento de Cooperação Internacional e Parcerias da OIM Genebra, Jill Helke, e contou com a participação do Alto-comissário para as Migrações, Pedro Calado, no papel de moderador da sessão. Neste âmbito o Alto-comissário destacou os resultados muito positivos que Portugal tem assumido nos índices de avaliação das políticas de integração de imigrantes promovidos por instituições internacionais e a importância de se continuar a monitorizar tanto os mecanismos legais propriamente ditos que enquadram a vida dos imigrantes nas sociedades de acolhimento, como os resultados propriamente ditos a partir de indicadores de integração de imigrantes, conforme tem sido amplamente recomendado pela Comissão Europeia.

 

A sessão prosseguiu com o lançamento do Relatório Estatístico 2017 Indicadores de Integração de Imigrantes da Coleção Imigração em Números do OM, por Catarina Reis Oliveira, Diretora do Observatório das Migrações e Coordenadora da Coleção Imigração em Números do OM e Natália Gomes, coautora do Relatório. 

No espaço de uma hora, a responsável pelo relatório, Catarina Reis Oliveira, sintetizou as principais tendências da integração dos imigrantes nos anos de referência de 2015 e 2016, a partir de dados de 42 fontes estatísticas e administrativas, nacionais e internacionais (cerca de três centenas de indicadores), para 15 dimensões de integração consideradas, assumindo (face aos relatórios anteriores) novos temas de comparação dos nacionais com os estrangeiros residentes. Entre os principais resultados identificados no relatório estão:

- Portugal encontra-se numa grave situação de fragilidade demográfica: saldos naturais e saldos migratórios negativos desde 2011 (embora desde 2014 se observe melhorias no saldo migratório face ao início da década)

- Estrangeiros residentes contribuem para atenuar o envelhecimento demográfico que se vive em Portugal

- Estrangeiros geram aumento de efetivos em idade ativa e contribuem para a natalidade

- Perfis de imigração estão a diversificar-se e em 2016 recuperação no número de estrangeiros em Portugal, invertendo-se trajetória de declínio

- Melhoria do desempenho escolar dos alunos estrangeiros do ensino básico e secundário

- Sobre representação da população estrangeira em alguns sectores atividade com remunerações mais baixas; MAS a sinistralidade laboral e o desemprego diminuíram nos últimos anos e reforço dos estrangeiros com habilitações superiores

- Estrangeiros contribuem para a criação de emprego em Portugal: crescimento nos últimos anos do número de empregadores estrangeiros (em contracorrente com os nacionais)

- Estrangeiros em maior situação de privação material e risco de pobreza ou exclusão social que os nacionais

- Saldo financeiro da segurança social com estrangeiros continua a ser muito positivo (+418,5 milhões de euros)

- Estrangeiros em maior situação de sobrelotação habitacional que os nacionais

- Número de estrangeiros a quem foi concedida a nacionalidade, após o novo enquadramento legal de 2006, atingiu cerca de 401mil cidadãos em 2016

- Aumento da percentagem de estrangeiros recenseados em Portugal para votar (por total de estrangeiros residentes elegíveis para votar), ainda que continue bastante reduzida a taxa de recenseamento dos estrangeiros elegíveis para votar

- O saldo das remessas para Portugal continua muito positivo: entram mais remessas no país (da emigração portuguesa) do que saem (dos imigrantes residentes em Portugal)

- Importância relativa de estrangeiros com idas aos serviços de saúde inferior aos nacionais e importância de relações de sociabilidade informais

O relatório encontra-se em livre acesso neste endereço

No período da tarde, o programa das X Jornadas OM prosseguiu, com duas sessões plenárias, onde foram apresentados três novos estudos da Coleção Estudos OM

 

SESSÃO PLENÁRIA 2: IMPACTOS DA CRISE NA INSERÇÃO LABORAL DOS IMIGRANTES NOS ÚLTIMOS ANOS

A segunda sessão plenária dedicada aos “Impactos da Crise na Inserção Laboral dos Imigrantes nos Últimos Anos” foi marcada pela apresentação e lançamento do Estudo OM 60: Condições de vida e inserção laboral dos imigrantes em Portugal: efeitos da crise 2007/2008, pela Coordenadora do Estudo, Alina Esteves, e do do Estudo OM 59: Imigrantes desempregados em Portugal e os desafios das políticas ativas de emprego, pela Coordenadora do Estudo, Ana Cláudia Valente, tendo contado com a moderação da Diretora do Observatório das Migrações, Catarina Reis Oliveira.

   

 

Seguiram-se comentários aos estudos por Cátia Batista, da NSBE – Economia, Diretora da NOVAFRICA, Carlos Trindade, da CGTP, José Cordeiro, da UGT, e António Correia de Campos, Presidente do Conselho Económico e Social.

 

Seguiu-se um momento de debate e reflexão com a plateia acerca dos desafios e impactos da crise económica e financeira de 2007/2008 nos trabalhadores imigrantes, tendo sido realçados alguns dos mecanismos que os imigrantes assumiram de reação à crise e ao aumento do desemprego em Portugal.

 

 

SESSÃO PLENÁRIA 3: ARTISTAS IMIGRANTES EM PORTUGAL

A terceira sessão plenária, subordinada ao tema “Artistas Imigrantes em Portugal”, foi dedicada à apresentação e lançamento do Estudo OM 58: O trabalho da arte e a arte do trabalho, por Otávio Raposo, enquanto Coordenador do Estudo, e Manuel Abrantes, coautor do estudo. Seguiram-se intervenções com comentários aos estudos, por José Lino Neves, Coordenador do GATAI do ACM, e Rui Telmo Gomes, do CIES-IUL.    

 

 

 

As X Jornadas do OM foram encerradas pela Diretora do Observatório das Migrações, Catarina Reis Oliveira, que agradeceu a presença de todos os oradores, participantes e muito especialmente à equipa organizadora das Jornadas do Observatório das Migrações.

 

Continue a acompanhar as atividades e novidades do Observatório das Migrações em 2018!

 

 

 

 


19 十二月 2017

O Observatório das Migrações promoveu no dia 18 de Dezembro, Dia Internacional dos Migrantes, entre as 9h30 e as 18h30, no Auditório 3, da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), em Lisboa, as X Jornadas do Observatório das Migrações. O encontro contou com a intervenção de diversos peritos nacionais, bem como de uma representante internacional da Organização Internacional para as Migrações (OIM) Genebra, num total de 16 oradores. No encontro estiveram presentes cerca de uma centena de participantes (98 participantes), maioritariamente representantes de serviços públicos (47), provenientes de diferentes regiões do país, do meio académico (17), estudantes (12), representantes de Organizações Não Governamentais (ONG) (10), representantes da sociedade civil (7), jornalistas (2), entre outros (3). O evento recebeu a cobertura de diversos órgãos de comunicação social, tendo, paralelamente, sido alvo de notícia em diversos media, na área da imprensa, da rádio e da televisão.

Tendo na ocasião destas Décimas Jornadas OM sido lançado e debatido na primeira sessão plenária o Relatório Estatístico Anual Indicadores de Integração de Imigrantes 2017, a cobertura dos meios de comunicação centrou-se bastante nas principais tendências encontradas no relatório que sistematizou dados estatísticos e administrativos de 42 fontes nacionais e internacionais, para cerca de três centenas de indicadores.

Notícias relacionadas:

Imigrantes em Portugal são mais vulneráveisAntena 1
Portugal foi o país da OCDE que mais melhorou desempenho dos alunos imigrantes em 10 anos, RTP
Estrangeiros com autorização de residência para investigação aumentaram oito vezes em cinco anos, Público
Quase metade dos estrangeiros no país está em risco de pobreza ou privação, Público
Imigrantes em Portugal contribuem mais do que recebem da Segurança Social, Observador
Governo reconhece habitação e salários como áreas a melhorar para imigrantes, Observador
Imigrantes em Portugal com maiores riscos de pobrezaTVI24


Conheça aqui em maior detalhe o que marcou estas X Jornadas OM

 
Imagem em Destaque

31 一月 2018

 

A Universidade de Lisboa promove a Conferência Migrações 2018, estando aberto  até ao dia 31 de janeiro de 2018 o período para submissão comunicações. A Conferência, a realizar-se entre 26 e 28 de junho em Lisboa, pretende constituir um fórum de discussão entre peritos, jovens investigadores, estudantes, profissionais e decisores políticos na área das migrações, integrando cerca de 100 sessões paralelas centradas nas migrações, populações migrantes, diásporas, políticas de imigração, bem como sobre os não migrantes e o maior impacto da mobilidade humana. O programa científico da conferência incluirá debates, apresentações orais, apresentações de posters e workshops, contando entre os principais convidados, com a participação de Douglas Massey, Saskia Sassen, Oded Stark, Giuseppe Sciortino, Caroline Brettell, Barry Chiswick e Karen Phalet. O encontro que constitui a 6.ª edição das The Migration Conferences (TMC) é coorganizado pelo Prof. Ibrahim Sirkeci (Universidade Regente), Prof. Jeffrey Cohen (Universidade Estadual de Ohio), Prof. Philip Martin (Universidade da Califórnia, Davis) , Prof Gudrun Biffl (Universidade do Danúbio, Krems), contando em Portugal com o ISEG, Universidade de Lisboa (Professor João Peixoto Fonseca) e o IGOT, Universidade de Lisboa (Prof. Maria Lucinda), como entidades anfitriãs.

Mais informações sobre a conferência disponíveis neste endereço.

 

Imagem em Destaque

18 十二月 2017

O Observatório das Migrações promove no próximo dia 18 de dezembro de 2017, Dia Internacional dos Migrantes, em Lisboa no auditório da Fundação Calouste Gulbenkian, a décima edição das Jornadas do Observatório das Migrações (ver programa aqui). Nesta edição, entre outras novidades, será lançado o mais recente Relatório Estatístico Anual 2017 Indicadores de Integração de Imigrantes (de Catarina Reis Oliveira e Natália Gomes) da Coleção Imigração em Números do OM (brevemente disponível neste endereço), estando, também, previsto o lançamento de três novos estudos OM: o Estudo 58, Estudo 59 e Estudo 60, da Coleção de Estudos OM.
Estas Jornadas OM serão inauguradas pela Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Professora Doutora Rosa Monteiro, desenvolvendo-se depois em três sessões plenárias: a primeira sobre indicadores de governação das migrações e indicadores de integração de imigrantes, com a intervenção de Jill Helke da Organização Internacional das Migrações (OIM) de Genebra e Catarina Reis Oliveira e Natália Gomes do OM; a segunda sessão sobre os impactos da crise na inserção laboral dos imigrantes nos últimos anos com intervenções, entre outros, de Alina Esteves (IGOT), Ana Cláudia Valente (CESOP), Cátia Batista (NSBE, Economia e NOVAFRICA), Carlos Trindade (CGTP), José Cordeiro (UGT) e António Correia de Campos, Presidente do Conselho Económico e Social; e, finalmente, a terceira sessão sobre artistas imigrantes em Portugal com intervenções de Lígia Ferro e Otávio Raposo (ISCTE), José Lino Neves (Coordenador do Gabinete de Apoio Técnico às Associações de Imigrantes - ACM) e Rui Telmo Gomes (CIES-IUL).

As inscrições para as Décimas Jornadas OM decorrem até ao dia 14 de dezembro de 2017. Inscreva-se através do email seminarios@acm.gov.pt ou aqui (inscrição gratuita).

Imagem em Destaque

18 十二月 2017

O Observatório das Migrações promove no próximo dia 18 de dezembro de 2017, Dia Internacional dos Migrantes, em Lisboa no auditório da Fundação Calouste Gulbenkian, a décima edição das Jornadas do Observatório das Migrações (ver programa aqui). Nesta edição, entre outras novidades, será lançado o mais recente Relatório Estatístico Anual 2017 Indicadores de Integração de Imigrantes (de Catarina Reis Oliveira e Natália Gomes) da Coleção Imigração em Números do OM (brevemente disponível neste endereço), estando, também, previsto o lançamento de três novos estudos OM: o Estudo 58, Estudo 59 e Estudo 60, da Coleção de Estudos OM.
Estas Jornadas OM serão inauguradas pela Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Professora Doutora Rosa Monteiro, desenvolvendo-se depois em três sessões plenárias: a primeira sobre indicadores de governação das migrações e indicadores de integração de imigrantes, com a intervenção de Jill Helke da Organização Internacional das Migrações (OIM) de Genebra e Catarina Reis Oliveira e Natália Gomes do OM; a segunda sessão sobre os impactos da crise na inserção laboral dos imigrantes nos últimos anos com intervenções, entre outros, de Alina Esteves (IGOT), Ana Cláudia Valente (CESOP), Cátia Batista (NSBE, Economia e NOVAFRICA), Carlos Trindade (CGTP), José Cordeiro (UGT) e António Correia de Campos, Presidente do Conselho Económico e Social; e, finalmente, a terceira sessão sobre artistas imigrantes em Portugal com intervenções de Lígia Ferro e Otávio Raposo (ISCTE), José Lino Neves (Coordenador do Gabinete de Apoio Técnico às Associações de Imigrantes - ACM) e Rui Telmo Gomes (CIES-IUL).

As inscrições para as Décimas Jornadas OM decorrem até ao dia 14 de dezembro de 2017. Inscreva-se através do email seminarios@acm.gov.pt ou aqui (inscrição gratuita).

Imagem em Destaque

28 一月 2018

No âmbito do X Congresso Português de Sociologia, subordinado ao tema “Na era da pós-verdade? Esfera pública, cidadania e qualidade da democracia no Portugal contemporâneo”, está aberto até ao dia 28 de janeiro de 2018 o período para submissão de comunicações na área temática “Migrações, Etnicidade e Racismo”, coordenada por Pedro Góis (FE- CES/UC), José Carlos Laranjo Marques (IPL - CICS.NOVA) e João Peixoto (ISEG –UL), sobre um dos seguintes temas:
- Migrações internacionais contemporâneas
- Migrações de (e para) a União Europeia
- Emigração e imigração em Portugal
- Refugiados
- Migrações, media e opinião pública
- Migrações ambientalmente induzidas
- Integração e cidadania
- Etnicidade(s) e identidade(s)
- Transnacionalismo
- Xenofobia e racismo(s)
Serão particularmente consideradas comunicações que apresentem e discutam sociologicamente dados empíricos recentes, quer quantitativos, quer qualitativos. Os resumos devem ser organizados com as secções: objetivos, métodos, resultados e conclusões, devendo ter, no máximo, 2500 (sem espaços).

Este Congresso da Associação Portuguesa de Sociologia (APS), decorrerá entre 10 e 12 de julho de 2018, na Universidade da Beira Interior. As regras e prazos a considerar para a submissão dos resumos, assim como mais informações sobre o X Congresso Português de Sociologia estão disponíveis neste endereço

Imagem em Destaque

15 一月 2018 - 18 一月 2018

Entre 15 e 18 de janeiro (2018) decorre na sede da OCDE, em Paris, o Fórum Internacional sobre Estatísticas das Migrações (IFMS-2018).  Este fórum visa mobilizar conhecimentos de uma ampla gama de disciplinas como estatística, economia, demografia, sociologia, ciência geo-espacial e tecnologia da informação, disciplinas que podem contribuir para melhorar a compreensão global do fenómeno da migração. O Fórum que será organizado em torno de vários temas - Medição das migrações; Inovação e síntese de fontes de dados; Compreensão das migrações através de dados; Cooperação e gestão de dados e Capacitação -, assumindo-se como uma oportunidade para os decisores políticos entrarem em contato direto com especialistas em dados de migrações, visando criar sinergias entre diferentes atores e perspetivas, com representantes de países de "origem", "trânsito" e "anfitrião" de migrantes. Está confirmada a participação da Diretora do Observatório das Migrações, Catarina Reis Oliveira, para partilhar a experiência portuguesa com a Coleção Imigração em Números do OM. Mais informações sobre este Fórum, disponíveis neste endereço

Imagem em Destaque

18 十二月 2017

 

O Observatório das Migrações promove no próximo dia 18 de dezembro de 2017, Dia Internacional dos Migrantes, em Lisboa no auditório da Fundação Calouste Gulbenkian, a décima edição das Jornadas anuais do Observatório das Migrações (ver programa aqui). Nesta edição, entre outras novidades, será lançado o mais recente Relatório Estatístico Anual 2017 Indicadores de Integração de Imigrantes (de Catarina Reis Oliveira e Natália Gomes) da Coleção Imigração em Números do OM (brevemente disponível neste endereço) e três novos estudos OM: o Estudo 58, Estudo 59 e Estudo 60, da Coleção de Estudos OM.
Estas Jornadas OM serão inauguradas pela Senhora Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro, desenvolvendo-se depois em três sessões plenárias: a primeira sobre indicadores de governação das migrações e indicadores de integração de imigrantes, com a intervenção de Jill Helke da Organização Internacional das Migrações (OIM) de Genebra e Catarina Reis Oliveira e Natália Gomes do OM; a segunda sessão plenária sobre os impactos da crise na inserção laboral dos imigrantes nos últimos anos com intervenções, entre outros, de Alina Esteves (IGOT), Ana Cláudia Valente (CESOP), Cátia Batista (NSBE, Economia e NOVAFRICA), Carlos Trindade (CGTP), José Cordeiro (UGT) e António Correia de Campos, Presidente do Conselho Económico e Social; e, finalmente, a terceira sessão sobre artistas imigrantes em Portugal com intervenções de Lígia Ferro e Otávio Raposo (ISCTE), José Lino Neves (Gabinete de Apoio Técnico às Associações de Imigrantes - GATAI/ACM) e Rui Telmo Gomes (CIES-IUL).

Mais informações sobre as X Jornadas do Observatório das Migrações disponíveis neste endereço

Imagem em Destaque

23 三月 2017

O Observatório das Migrações (OM) realizou no dia 23 de março de 2017, entre as 16h30 e as 18h30, no Auditório do Centro Nacional de Apoio à Integração de Migrantes (CNAIM) de Lisboa, a primeira edição dos Diálogos do OM na presença de cerca de três dezenas de participantes. Assumindo desde o início do ano um planeamento temático, o OM dedicou esta sessão inaugural ao tema da Feminização das Migrações em Portugal, para assinalar o Dia Internacional da Mulher, 8 de março.

Conheça os principais resultados dos primeiros Diálogos do OM aqui.

Imagem em Destaque

30 十一月 2017

A Universidade Lusíada de Lisboa promove, no dia 30 de novembro de 2017, a Conferência Internacional “Managing International Migration in the EU and Mediterranean Region - Challenges and Responses”.  O programa da conferência, centrado no mapeamento dos desafios e das respostas das várias partes envolvidas no processo de gestão das migrações na União Europeia e na Região do Mediterrâneo, integra a participação de especialistas nacionais e estrangeiros, contando, entre outras intervenções, com a apresentação “Myths and facts on immigration: indicators of immigrants integration”, do Observatório das Migrações (OM), por Tiago Santos.
Mais informações sobre a conferência disponíveis neste endereço

Imagem em Destaque

14 十二月 2017 - 15 十二月 2017

O Centro em Rede de Investigação em Antropologia (CRIA) da FCSH/NOVA e o CRIA da Universidade do Minho promovem, nos dias 14 e 15 de dezembro de 2017, o Workshop internacional “Bordering: a view from Portugal”. O Encontro tem um duplo objetivo, por um lado, reunir investigadores que trabalham com questões relacionadas com questões de gestão das fronteiras em Portugal e, por outro lado, fazer o enquadramento do caso português, no contexto mais amplo dos regimes fronteiriços europeus e norte-americanos. Através de um vasto programa, que inclui cinco sessões temáticas com a participação de académicos de diversas universidades portuguesas, bem como de investigadores internacionais (Department of Anthropology, University of Amsterdam e da University Federico II of Naples, pretende-se refletir sobre as lições aprendidas e as novas perspetivas das políticas e das práticas, bem como relativamente às perceções e à experiência das diferentes partes envolvidas na gestão de fronteiras.
Mais informações sobre o encontro podem ser consultadas neste endereço.

 

Imagem em Destaque

28 十一月 2017

No dia 28 de novembro de 2017, entre as 15h00 e as 19h00, realiza-se na Sociedade de Geografia de Lisboa (Sala Adriano Moreira), o colóquio “Mobilidade Forçada e Solidariedades”. O encontro, promovido pela Comissão de Migrações da Sociedade de Geografia de Lisboa, coordenada pela Professora Doutora Maria Beatriz Rocha Trindade e pelo Grupo de Investigação Migrações e Diversidades Culturais do CEMRI (Centro de Estudos das Migrações e das Relações Interculturais) da Universidade Aberta, vai reunir professores universitários e investigadores que vão debater temas tão atuais como as migrações, os refugiados e os direitos humanos.
O programa do encontro está disponível neste endereço e os resumos e notas bográficas dos autores podem ser consultados aqui

 

Imagem em Destaque

29 十一月 2017

No dia 29 de novembro, a partir das 14 horas tem lugar na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (Anfiteatro III), a conferência "The refugee crisis in Europe: Confusion, trauma, culture clash". Com esta conferência pretende-se refletir sobre a recente crise com refugiados menores não acompanhados, na perspetiva do professor de língua alemã, Stephan M. Schweighofer, da Universidade de Graz, da Áustria. O encontro “terá em consideração diversos aspetos, como por exemplo os procedimentos habituais e obstáculos que os refugiados e as culturas recetoras têm de enfrentar, as condições sociais e os estados psicológicos dos jovens, bem como aspetos pedagógicos específicos”.
Mais informações sobre o encontro disponíveis neste endereço

Imagem em Destaque

23 十一月 2017

No dia 23 de novembro de 2017, entre as 16:30 e as 18:00, o Instituto de Geografia e Ordenamento do Território (IGOT) e o Centro de Estudos Geográficos (CEG), da Universidade de Lisboa, promovem, no âmbito do Doutoramento em Migrações, um seminário aberto dedicado ao tema “And then came the brexit: experiences and future plans of young EU migrants in the london region”, que conta a participação do Professor Russell King, especialista na área das migrações, da Universidade de Sussex, do Reino Unido. O Seminário integra-se no âmbito do Programa de Doutoramento FCT e decorrerá no edifício do IGOT, em Lisboa.
Mais informações sobre o Seminário disponíveis neste endereço

Imagem em Destaque

20 十一月 2017

No âmbito do Mês da Educação e da Ciência 2017, a Fundação Francisco Manuel dos Santos promove no dia 20 de novembro, entre as 15:00 e as 18:00, no Observatório Astronómico de Lisboa, a conferência subordinada ao tema “Ciência portuguesa pelo mundo”, procurando dar resposta às questões “Quantos são e onde estão os cientistas Portugueses espalhados pelo mundo? Quem são e em que áreas de investigação trabalham?”. No encontro será feita uma breve apresentação do mapa e dos números da diáspora científica portuguesa, a partir da rede GPS – Global Portuguese Scientists, que agora celebra o primeiro aniversário. Aos números somam-se as vivências de três cientistas portugueses a residir no estrangeiro, com contribuições de alto valor no panorama científico nacional e internacional. A conferência conta com a participação dos oradores Carlos Fiolhais, Francisco Bethencourt, Jaime Gama, Nuno Fontes, Rui Raposo e Zita Martins, contando com a intervenção do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que dará o mote à reflexão sobre o tema e se dirigirá, no encerramento, aos cientistas portugueses”. Os interessados poderão assistir à conferência em direto via streaming, através deste endereço.

Imagem em Destaque

23 十一月 2017 - 24 十一月 2017

OM nas IV Jornadas Ibéricas de Educação Social: “Migrações transnacionais: políticas e práticas na reconstrução da cidadania europeia”: O Departamento de Ciências Sociais da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Bragança, promove nos dias 23 e 24 de novembro (2017), no Auditório da Escola Superior de Educação, as IV Jornadas Ibéricas de Educação Social, nesta edição dedicadas ao tema “Migrações transnacionais: políticas e práticas na reconstrução da cidadania europeia”. Com este fórum de discussão pretende-se analisar, nas circunstâncias atuais, a continuidade de uma essência humanista no projeto de integração da UE, pensar criticamente sobre as relações entre as migrações, economia, segurança, direitos humanos e a cidadania europeia, refletir sobre o enquadramento legislativo e as políticas de acolhimento promovidas por Portugal e Espanha e debater sobre a ação do educador social, no âmbito do acolhimento aos imigrantes. A Comissão Científica do encontro, promovida pela Professora Cristina Mesquita, conta com a participação da Diretora do Observatório das Migrações, Catarina Reis Oliveira, conjuntamente com investigadores da Universidad de Valladolid (Soria), da Universidade de Salamanca, bem como do Instituto Politécnico de Bragança. O programa destas jornadas contempla, na sessão de abertura, as intervenções do Diretor do Instituto Politécnico de Bragança, do Diretor da Escola Superior de Educação, e da Diretora do Departamento de Ciências Sociais, seguindo-se a conferência inaugural “Mitos e Factos da imigração em Portugal: o que os indicadores de integração nos ajudam a compreender?” da responsabilidade deste Observatório das Migrações, por Catarina Reis Oliveira e Natália Gomes. O programa das Jornadas prossegue com três painéis temáticos subordinados às temáticas “Refugiados em Portugal – os desafios do acolhimento”; “Imigrantes: políticas e práticas de integração na Península Ibérica” e “Migrações, interculturalidade e participação num mundo em mudança”, encerrando com a conferência “Papel e prácticas del educador social en el marco de la reconstrucción de la ciudadanía europea” de Luján Lázaro Herrero da Universidade de Salamanca. Os resumos das comunicações e apresentação de todos os oradores encontram-se neste endereço. Os interessados em participar no encontro deverão inscrever-se aqui. Mais informações sobre as Jornadas disponíveis no seguinte endereço.

Imagem em Destaque