“Will you marry me... in Portugal?”

“Will you marry me... in Portugal?”

11 de fevereiro de 2018
Susana Pinheiro / Público

Só no ano passado, o Ministério da Justiça registou 1131 casamentos de estrangeiros, mais do dobro dos 530 ocorridos em 2008. Em 2016, houve 890. São precisamente os irlandeses que surgem em segundo lugar no top 10 das nacionalidades de noivos que casaram em Portugal, em 2017, depois dos brasileiros. Seguem-se os alemães, ucranianos, ingleses, russos, polacos, italianos, cabo-verdianos e franceses — estes dados também incluem estrangeiros residentes em Portugal, mas excluem, por exemplo, os que assinam os papéis nos seus países de origem e chegam a Portugal para fazer as chamadas “cerimónias simbólicas” ou bênçãos, como Déborah e David Ryan, de 36 e 37 anos, respectivamente, fizeram há três anos, num hotel em Albufeira, no Algarve.